Eu sou mais eu
Meus Desencontros

Eu sou mais eu!

Por em 9 de março de 2015

Para ler ouvindo:

 

 

Parece que cada vez mais o tema “mulher” é visto por aí. Televisão, trabalho, redes sociais… são diversas abordagens e notícias e, claro, em março isso recebe um foco maior por causa do Dia da Mulher.

Não havia pensado em escrever nada especial sobre o assunto até olhar com mais atenção para as minhas timelines e ver o que tem sido compartilhado sobre o “tema” ultimamente.

Logo de início é triste, mas muito triste mesmo, constatar que para uma parte da sociedade, mulher ainda é algo incompreensível e que por isso merece estar abaixo dos homens. Crimes passionais, violência sexual, diferenciação no mercado de trabalho, entre outros. Pesado? Sim e infelizmente parece ser bem comum.

Mesmo sendo nascida em uma época diferente, com mais facilidades, sempre me perguntei por que o mundo era assim, afinal, parece mais simples dizer somente que “mulher é tudo louca”, não é? E nessa onda, muitas acabam aderindo ao papel acreditando que tenham que ser assim.

E foi aí que me dei conta que o machismo só vai sumir quando TODAS as mulheres pensarem e agirem de forma diferente. A responsabilidade também é NOSSA.

Machismo não é privilégio dos homens. É um pensamento limitador e preconceituoso, assim como achar que a cor da pele torna alguém “menor”.

Você, homem ou mulher, segmenta a parte feminina da sociedade em “para casar” ou “para pegar”? Ao ver alguma moça mais irritada diz que ela é “mal amada”, ou que “está de TPM”?

E você? Rebate isso tudo dizendo que todos os homens são iguais e que por isso deveriam pagar o jantar? Cuidado, o machismo aparece de várias formas.

Hoje, tenho alegria em dizer que vivo em um mundo mais democrático. Tenho um pai, irmãos, amigos e um companheiro que me aceitam e me respeitam como sou. Não deixei de encontrar alguns “babacas” no meu caminho, aliás já fui assediada na rua e no ônibus. Felizmente isso não moldou minha vida e pude aprender com cada situação.

Diferente de outros locais onde por religião ou por política fica mais complicado para as mulheres tomarem uma atitude eu falo especialmente com você, que tem a chave para realizar a mudança na própria vida. Acredite, fazendo a diferença para você também fará para o mundo.

Toda mulher pensa nas coisas que a realizam. O mais lindo é que para cada uma isso vem de um jeito. Tanto faz o que você quer, se é a sua felicidade, não tem porquê alguém dizer que não é acessível. Eu penso muito no dia em que me sentirei plenamente realizada e acho que ele nunca vai chegar. Que ótimo! Isso significa que posso experimentar e ver o que é melhor para mim, que posso mudar e recomeçar. E com certeza, todas nós já nascemos um pouco especialistas neste assunto. Agora me considero uma mulher em processo de realização. Cada dia me realizo um pouco mais.

O mundo feminino é muito mágico e criativo. E quem pode se encontrar com sua essência e se assumir, tem tudo para ser feliz.

 

Imagem do post: Tumblr

 

TAGS
VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR
Pra-ela-dar-o-nome
Pra ela dar o nome

14 de julho de 2016

O-que-acho-que-sei-sobre-o-amor
O que acho que sei sobre o amor

16 de junho de 2016

escarlate
Escarlate

7 de junho de 2016

DEIXE UM COMENTÁRIO

Brasil

Somos um blog sobre relacionamentos, desencontros da vida e situações do acaso. Mas não espere encontrar a solução para os seus problemas em nossos textos. Não somos donos de divãs, e nem ousamos ser, mas somos todos ouvidos se você quiser compartilhar suas histórias, seus pensamentos e, quem sabe, um pouquinho da sua vida. Esperamos que você curta cada linha que a gente escrever, e se você parar para refletir um pouco sobre elas, já valeu a pena ter encontrado você por aqui. Seja bem-vindo!

CATEGORIAS
CURTA NOSSA PÁGINA
Receba por email

Cadastre o seu e-mail e receba conteúdo exclusivo do blog, dicas e acompanhe nossas atualizações.


@MEUSDESENCONTROS
ARQUIVOS